Newsletter subscribe

Portuguesa, Posts

Inauguração do Estádio do Canindé

Posted: 09/01/2016 at 20:28   /   by   /   comments (0)

No dia 9 de janeiro de 1972, a Portuguesa enfrentava o Benfica e inaugurava o primeiro anel do então estádio Independência, que depois receberia o nome de Dr. Oswaldo Teixeira Duarte.

As arquibancadas estavam lotadas naquela abafada tarde de domingo, em que o craque Eusébio conheceu o campo lusitano. Ele, porém, não jogou por causa de uma contusão.

A Lusa era comandada pelo técnico Rubens Minelli e foi a campo com Aguilera, Deodoro, Marinho Pérez, Calegari, Fogueira, Dirceu, Lorico, Ratinho, Cabinho, Basílio e Piau.

Já o Benfica tinha Zé Henrique, Malta, Messias, Rodrigues, Adolfo, Toni, Vitor, Simões, Nenê, Batista e Jordão. Os encarnados venceram a partida por 3 a 1.

O primeiro gol da história do estádio foi marcado por Vitor Batista. Já o primeiro gol da Portuguesa no campo foi anotado por Marinho Pérez, de pênalti, aos 10 minutos da etapa final.

As obras, tanto do clube quanto das arquibancadas, estavam a todo vapor e eram financiadas exclusivamente pela torcida. A festa ainda se estenderia por mais dias e jogos.

Nos domingos seguintes, Rivellino e César Maluco chegaram a vestir a camisa da Portuguesa. O estádio tinha capacidade para 10 mil pessoas, mas já se anunciava uma ampliação.

Saiba mais no Acervo da Lusa